“Vamos dar uma chance a ele…” BOBBY, do iKON, compartilha suas ideias sobre o ex-líder B.I.

BOBBY, do boy group de K-pop iKON, compartilhou seus pensamentos sobre o ex-líder do grupo, B.I, nos comentários do Instagram.

Ultimamente, o tópico de reunir todos os membros do iKON, incluindo B.I., foi discutido na seção de comentários da postagem de BOBBY no Instagram.

No entanto, nem todo mundo concordou; muitos se opuseram, argumentando que o grupo deveria ser sempre composto por seis membros, enfatizando que não querem o B.I. de volta.

Enquanto a discussão esquentava, BOBBY se abriu, dizendo em inglês: “Não coloque seu trabalho no OT6 ou OT7 (‘One True 6/7’). Não estou tentando ser político aqui, só estou dizendo como me sinto em relação a essa pessoa. PAREM COM ESSA GUERRA”.

Em seguida, BOBBY fez um comentário sobre B.I.: “Eu realmente entendo como você se sente porque ele é meu irmão. Ele influenciou negativamente a próxima geração, mas não consigo deixar de amá-lo. Ele entende que o que fez foi errado e tudo mais. Ele entende que o que fez foi errado e tudo mais. No entanto, não vamos tornar esse jogo comercial e exagerado”.

Ele continuou: “Eu o amo tanto quanto você. Não se esqueçam de que ele é um cara legal. Vamos dar a ele a oportunidade de fazer as pazes, compensando você. O perdão é o ato mais nobre que um ser humano pode fazer”.

Alguns momentos depois, BOBBY também respondeu a um fã coreano que expressou o quanto estava magoado pelas ações de B.I.

BOBBY disse a esse fã: “Eu só posso agradecer à iKONIC por tudo. Tenho plena consciência do quanto você ficou magoado, do quanto derramou lágrimas por nós e da quantidade de trabalho que dedicou para nos amar e apoiar. Não estou defendendo suas ações. Simplesmente não foi fácil para mim ver vocês brigando por causa da situação. Eu queria que isso fosse interrompido. Isso é tudo”.

Ele continuou: “Não tenho ressentimentos em relação a ele nem nada. Ele é apenas uma das pessoas que eu vivo na mesma época agora. Mas eu sinto muito. Do fundo do meu coração, eu realmente sinto muito. Parte meu coração ver o iKONIC tão chateado e brigando entre si.”

Em 2016, B.I. foi pego fumando maconha e tentando comprar LSD (dietilamida do ácido lisérgico).

Depois de ser pego, seu caso foi encaminhado para a promotoria em 2019; ele deixou o iKON na época.

Em setembro de 2021, B.I recebeu uma sentença suspensa de quatro anos sob a acusação de uso de drogas ilícitas.