Eric Nam cancela apresentação na Malásia após reação no Instagram

Tempo estimado de leitura 4 min leitura

O renomado cantor e compositor Eric Nam, tomou a difícil decisão de cancelar sua apresentação na Malásia, devido a uma reação negativa em seu perfil do Instagram. O artista, conhecido por sua incrível voz e presença de palco cativante, estava ansioso para se apresentar para seus fãs malaios, mas infelizmente teve que adiar seus planos.

A decisão de cancelar o show veio após uma série de comentários negativos e ameaças de violência que ele recebeu em seu perfil do Instagram. Essas mensagens de ódio e intolerância foram profundamente perturbadoras para o artista e sua equipe, que priorizam a segurança e o bem-estar de todos os envolvidos.

Eric Nam expressou sua frustração e desapontamento com a situação, mas enfatizou que a segurança é sua principal preocupação. Ele afirmou que não poderia se apresentar em um ambiente onde seus fãs e ele próprio não se sentissem seguros.

“Recebi ameaças relacionadas ao meu show agendado em Kuala Lumpur”,

“Por precaução com meu time e meus fãs, tomei a difícil decisão de cancelar o show.”

Disse Eric Nam em um post no X, antigo Twitter, na segunda-feira.

A situação foi trazida a tona quando os fãs de Eric Nam, descobriram que o cantor havia curtido uma postagem no Instagram enviada por Jordan C. Brown-Underwood em 9 de outubro, sobre o conflito Israel-Hamas, em curso. Brown, com 75 mil seguidores no Instagram, é conhecido como o fundador de uma agência de estratégia política.

A postagem de Brown-Underwood condenou o ataque de Hamas a Israel e apelou à “denúncia do terrorismo e do assassinato sem sentido de civis”, acrescentando que o povo judeu tem sido perseguido “milhares de anos”.

Eric, em seu comunicado divulgado na segunda-feira, explicou que o fez porque “acreditava [que a postagem] expressava uma posição anti-violência, anti-ódio e era contra a intolerância”.

“Gostei daquela postagem, foi uma reação ao acordar com notícias devastadoras, como alguém que sempre foi pró-humano, pró-paz e pelo amor e igualdade para todos”, continuou ele.

No entanto, usuários online criticaram a publicação e a decisão do cantor de mostrar apoio à declaração, citando que ele “falou apenas em nome de Israel e dos judeus”, e não dos palestinianos que foram processados ​​por Israel.

A situação piorou nas semanas seguintes, com Eric Nam removendo silenciosamente sua turnê pela Malásia de sua agenda de turnês mundiais, e Eddie Nam, irmão de Eric Nam e CEO da agência EN Management de Eric Nam, divulgando um comunicado no Discord em 19 de outubro em nome de Eric.

“Eu só queria aparecer e dizer que Eric não poderá comentar sobre esse assunto tão cedo”, disse Eddie Nam.

“Dói ver essas acusações, mas hoje em dia não adianta tentar esclarecer nada na internet”, acrescentou.

A declaração teve uma recepção esmagadoramente negativa online devido à falta de esclarecimentos que forneceu.

Informações extras:

Informações sobre a turnê na Ásia, de Eric Nam. (Instagram)
Informações sobre a turnê na Ásia, de Eric Nam. (Instagram)

Informações sobre ingressos para a turnê na Ásia

-BANGKOK – 14 de novembro às 10h (horário local)
-SINGAPURA – 1º de novembro às 14h (horário local)
-TAIPEI – 2 de novembro às 11h (horário local)
-SEOUL – 2 de novembro, às 12h (horário local)
-TÓQUIO – 11 de novembro, às 10h (horário local)

Compre ingressos pelos sites ericnam.com & livenation.asia

E falando nisso, que tal ouvir o álbum novo dele? Ficou afim, olha ele aqui!

Veja também… MTV cancela EMA’s 2023 devido à guerra Israel-Gaza